Front-end e Back-end: quais as diferenças e exemplos

É trabalho do back-end fazer todos os registros que forem necessários na aplicação, como salvar ou atualizar novos dados que o usuário forneceu no client-side. Por mais que ambos os tipos de desenvolvedores sejam importantes para manter um sistema web no ar, podemos dizer serem conceitos opostos, onde um é a antítese do outro. E para garantir que essa estrutura funcione direitinho é que existem as funções de front-end e back-end.

  • O Back-End é o setor responsável pela criação e manutenção da estrutura das aplicações e o que faz com que todas as suas funcionalidades funcionem.
  • Nos últimos anos a área do profissional front-end se expandiu dramaticamente graças à uma demanda do mercado por sites cada vez mais interativos e inteligentes, integrando chats, feedback em tempo real, games, etc.
  • Enquanto isso, o JavaScript cuida da interatividade do site e da lógica de programação propriamente dita.
  • Isso torna mais fácil dentro da indústria encontrar as pessoas perfeitas para cada trabalho, ao invés de peneirar muitas pessoas que se dizem desenvolvedores, mas apenas significa que eles podem trabalhar em um lado.

Muitos sites têm alguma combinação de HTML, CSS e JavaScript que funcionam todos em conjunto. Eles podem então usar frameworks como atalhos enquanto também digitam seus códigos personalizados usando a mesma linguagem. Antigamente os sitemas eram muito mais simples e você conseguia se virar bem como front-end apenas sabendo HTML, CSS e JavaScript.

Conheça a plataforma Awari

A biblioteca de soluções para desenvolvimento de aplicativos e DevOps também conta com várias soluções para seus desafios de desenvolvimento de aplicativos. As principais práticas de segurança de back-end incluem codificação segura, criptografia de dados confidenciais antes e depois da transmissão e sistemas seguros de autorização e autenticação. A simultaneidade é a capacidade de um aplicativo executar várias tarefas ao mesmo tempo.

O back-end é a parte não visível de um site ou aplicativo, onde toda a mágica acontece nos bastidores. Enquanto o front-end lida com a interface do usuário, o back-end gerencia curso de desenvolvimento web os processos que tornam tudo funcional. É o cérebro da operação, cuidando do processamento de dados, da lógica de negócios e da interação com o banco de dados.

QUER SABER SOBRE OS MAIS DE 1.800 CURSOS A DISTÂNCIA?

Software é um conjunto de códigos escritos para executar uma determinada tarefa seja no computador, celular ou na internet. Cada uma dessas linguagens possui suas características únicas, e a escolha entre elas depende das necessidades específicas do projeto e das preferências da equipe de desenvolvimento. Com JavaScript, é possível manipular elementos HTML, responder a eventos do usuário e até mesmo fazer requisições assíncronas para o back-end. Seja animando elementos, validando formulários ou atualizando conteúdo dinamicamente, JavaScript é a ferramenta-chave.

Você terá uma equipe especializada para tirar todas as dúvidas
que quiser e será estimulado a seguir com os estudos através de uma plataforma
gamificada, onde seus estudos valem pontos e certificados. Criada em 1995 pelo japonês Yuri Matsumoto, Ruby é uma linguagem relativamente https://www.h2foz.com.br/negocios/saiba-como-escolher-um-bootcamp-de-programacao-para-alavancar-sua-carreira/ nova. Tem uma sintaxe limpa e fácil de se trabalhar, além de ser orientada a objetos. Também é multiplataforma e pode ser utilizada em diversos tipos de sistemas operacionais. Em outras palavras, os dois precisam se comunicar para entregar a melhor experiência para o usuário.